Dois artigos sobre a mobilização dos trabalhadores em defesa das aposentadorias na França



França: juventude e trabalhadores não admitem retirada de direitos
"(...) O projeto de alteração no sistema previdenciário é um ataque ao direito histórico dos trabalhadores franceses, a chamada "aposentadoria de 1945", conquistada com as grandes lutas operárias que se seguiram à desocupação do país pelo exército nazista.
Para os jovens, mais anos de trabalho significam menos vagas de emprego. Isso num país onde o nível de desemprego é mais elevado para aqueles com menos de 25 anos. O artigo é de Priscilla Chandretti."

Para ler o artigo completo, clique aqui para ir na página da Juventude Revolução.


Trabalhar mais para ganhar menos: fúria francesa na jaula da UE
"O atual movimento de protesto na França não tem a ver com “elevar a idade de aposentadoria dos 60 aos 62”. Trata-se de muito mais do que isso. Para começar, este movimento expressa a exasperação com o governo de Nicolás Sarkozy, que de forma descarada favorece os super ricos em detrimento da maioria da classe trabalhadora da França. Foi eleito com o lema: “Trabalhar mais para ganhar mais”, e a realidade terminou sendo exatamente o oposto: trabalhar mais para ganhar menos. O artigo é de Diana Johnstone."

Postagens mais visitadas