Caiu Mubarak!

Multidão nas ruas comemora renuncia de Mubarak

Por todo o Egito o povo ocupa as ruas e comemora a renúncia de Hosni Mubarak. O ditador, no poder há 30 anos no Egito, deixou a capital Cairo com sua família rumo a sua residência de campo em Sharm el Seij.

O vice-presidente Omar Suleiman falou na televisão estatal egípcia e fez um breve comunicado: “o presidente Hosni Mubarak passou seus poderes às forças armadas do país.”

Segundo estimativas, 14 milhões de pessoas foram às ruas após a recusa de Mubarak em renunciar, em discurso realizado na última quinta-feira 10.

Comentários

  1. Com certeza, sair dessa ditadura de TRINTA ANOS é um marco muito importante na história do Egito.
    Mas professor, o que se espera do poder agora nas mãos das forças armadas? Eles é que vão "comandar"? Isso é bom política e economicamente para o Egito?
    É que eu tenho uma visão um tanto quanto pessimista quanto à ditadura militar. Sei que estou errada, mas quais são, então, essas vantagens?
    Obrigada! ;* Ana Luchtenberg

    ResponderExcluir
  2. Oi Ana...


    Com certeza é preocupante a forma como essa transição parece que vai ocorrer.

    Mas o povo que se mobilizou contra um ditador, pode estender sua força contra uma ditadura.

    Vamos acompanhar essas mudanças.

    Você não esta errada na sua observação.

    Agora vamos ser solidários e apoiar esse povo que se posicionar e quer decidir o seu destino!

    ResponderExcluir
  3. Com certeza! Acho muito louvável a forma como a população se manifestou contra o Mubarak! Ainda mais como eles se comportavam diante do exercito quando este entrou no meio da historia também, era uma posição de respeito. Mas me parece que só ate hoje, certo?
    Esse pequeno conflito com a população seriam eles ja dando suas carinhas?

    Realmente, um povo que derrubou um ditador pode muito bem lutar contra a ditadura! E eles têm mostrado que têm potencial pra isso. Definitivamente o povo Egípcio veio nos mostrar que ainda é o povo que faz a historia do país.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Obrigado por comentar!

Postagens mais visitadas deste blog

Ustasha: Inquisição católica em pleno século XX

Como funciona o sistema eleitoral em Cuba?

A Cidade-Estado Antiga